terça-feira, 24 de janeiro de 2017

Resenha #44 - O Incrível Hulk: Planeta Hulk Parte II

    Olá, amores, tudo bem?
Então, pra não perder mais tempo, hoje vem a resenha da segunda parte da resenha de Planeta Hulk conforme o prometido.


Imagem Mundo Literário da Cecy

    Se eu gostei da primeira parte do arco (clique aqui para ver a resenha da primeira parte) confesso que essa me deixou sem fôlego em diversas partes.  Novamente a parceria entre Greg Pak, Carlo Pagulayan e Aaron Lopresti foi maravilhosa. Vou tentar falar sem dar muitos spoilers, mas, já vou avisando que não garanto nada, hahah! 

    Bora lá?

  
Imagem Mundo Literário da Cecy

Hulk está acabando com a guerra. Juntando um grande número de nativos lutaram e derrotaram os capangas do Rei Vermelho. Enquanto uns querem paz, outros ainda querem guerra e não confiam em Hulk para liderá-los. A maioria dos nativos acredita que o Bimanual seja o tão esperado filho de Sakaar, o libertador da população; o próprio Hulk começa a acreditar que é realmente o escolhido, o filho de Sakaar, e após muita oposição e algumas decisões mais importantes, Hulk consegue colocar um pouco de juízo nas cabeças dos que queriam lutar sempre e a paz tão esperada finalmente acontece.


Imagem Mundo Literário da Cecy
     Hulk agora após muito tempo está no controle de sua própria vida e não precisa ter medo de suas ações ou de quem ele é. Apesar de ele estar sempre com raiva, ele consegue se dar ao luxo de obter paz e viver feliz. A primeira providência dele é limpar tudo, fazer uma grande faxina onde ocorreram as batalhas. Claro que alguns reclamaram dizendo que ele era tão tirano quanto o Rei Vermelho, pois, mal tinha se tornado o herói da parada e já estava mandando demais... Isso é porque independente da raça, sempre tem aquele que reclama e aquele que quer tudo de mão beijada sem trabalhar... 

   Os protetores do planeta então se reúnem e vão ao encontro do Gigante Esmeralda e lhe informam que como ele conseguiu trazer a paz para o reino, ele agora deve governar como rei, e lhe oferecem Caiera como fortaleza, uma vez que ela já serviu com fidelidade por muitos anos o Rei Vermelho. Enquanto ela está pronta para aceitar ser a fortaleza do Rei Verde, Hulk se recusa a ter Caiera como fortaleza, pois, de acordo com ele mesmo, ele não quer uma sombra, ele quer uma rainha.

    E, durante uma conversa muito íntima, enquanto fazem votos de fidelidade, Caiera pede que Hulk se mostre verdadeiramente, e, após muito tempo, ele deixa que ela veja Bruce. Por pouco tempo o Monstro Verde permite que Bruce venha até ela para que assim ela lhe conheça de verdade. O povo está feliz, Hulk  está feliz e Caiera está mais feliz ainda.


Imagem Mundo Literário da Cecy
    Claro que ele teme que as coisas podem piorar, mas, sua esposa tenta o acalmar, lhe mostrando como as coisas estão calmas e prósperas. As terras estão germinando, as pessoas estão trabalhando para si mesmas ao invés de trabalharem para um governante tirano como sempre fizeram. O planeta está bem, tudo está indo bem. Mas, como sempre existem os do contra da vida, alguns ainda não gostam do fato de Hulk querer paz, eles acreditam que como Hulk é um ser grande e forte, uma verdadeira máquina de guerra, e eles armam um plano terrível: eles descobre que na nave que trouxe o grandão, há uma gravação dos amigos de Bruce explicando o motivo pelo qual eles estavam o afastando da Terra, mas, com um pouquinho de manipulação, as coisas podem ficar bem diferentes do que são na verdade, e eles aprontam uma muito séria para o Gigante Esmeralda...


Imagem Mundo Literário da Cecy

    E eles conseguiram: fizeram algo terrível e deixaram Hulk bravo. Muito bravo. Muito bravo mesmo, extremamente irritado. Sabe aquele ditado que diz "não mexe com quem tá quieto"? Então, mexeram em um vespeiro, o Monstro Verde agora está irado, quer vingança e o bicho vai pegar.

    Na capa vemos Hulk vestido como um Gladiador, então, temos mais ou menos um vislumbre de que podemos esperar mais batalhas épicas, e isso obviamente acontece. Ainda temos os tons de marrom para a parte abandonada do planeta, mas, com o passar das páginas, vemos as coisas mudando e as cores se alternando entre o verde e o azul, para mostrar o recomeço de tudo, mostrar a esperança para aquele povo tão sofrido. Hulk tem os melhores seguido dos piores dias de sua vida naquele planeta após se tornar o Rei Verde. Ele deixa os Espinhos se alimentarem dele, os manda de volta para as estrelas, se casa, se torna um bom rei, um cara amado, e em questão de minutos, tudo isso se torna sem sentido para ele. E... eu vou parar por aqui antes que eu dê com a língua nos dentes, hahahah!

    No final da HQ temos um bônus ainda, uma deixa para a próxima história - que já está aqui em casa, rs - Hulk Contra o Mundo. E de boa, eu no lugar dele também iria querer me vingar. Só que como não sou vingativa, minha vingança seria uma conversa para colocar tudo em pratos limpos, e depois simplesmente me esquecer que um dia conheci quem me fez mal. Acredite, eu realmente me esqueço das pessoas. Gosto muito fácil e desgosto fácil também. Mas, deixa isso pra lá, foco Cecília, foco!

O Incrível Hulk: Planeta Hulk Parte II - The Incredible Hulk: Planet Hulk II - Greg Pak, Carlo Pagulayan e Aaron Lupresti - Marvel Comics. Claro que eu recomendo!

Gente, faltam poucos dias para o SORTEIO, participem!


Beijooooo ^.~

Imagem Mundo Literário da Cecy

9 comentários:


  1. Cecy sua lindaaaaa ♥♥♥
    eu já tinha amado a primeira resenha e essa então ♥♥♥♥
    Mas eu fiquei muito, muito curiosa pra saber o que acontece no final kkkkkk #socorro :)
    Preciso ler essa HQ
    ótima quinta
    bjo

    Tati C.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tati, sua linda! 💖💖💖

      Que bom que gostou, fico feliz em saber que as mulheres estão curtindo esse universo das HQs.

      E, olha, vou te falar, deixar o Hulk irritado é normal, mas, ficar pra ficar irado mesmo, garanto que não foi nada bom o que ocorreu! Corre pra ler!

      Beijoooo 💖💖💖

      Excluir
  2. Aí meu Deus, agora que ler um HQ. Esse me parece ótimo flor. Sua resenha está maravilhosa. Bjs

    Taynara Mello www.indicarlivros.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tay! 🌸🌸

      Corre pra ler, menina! Tenho certeza que você vai curtir!
      Obrigada!

      Beijoooo 💝💝💝

      Excluir
  3. Oieeeeeeeee Cecyyyyyyy!
    Oxi que estou roendo as unhas de curiosidade pra saber o que fizeram para deixá-lo tão irado?????
    Eita que Hulk de gladiador é pra botar medo em qualquer um!
    Batalhas épicas, romance, aventura, Hulk&Bruce de uma só vez, o Gigante Esmeralda vivendo feliz e em paz <3
    Fiquei mesmo curiosa com essa HQ!
    Bjs flor e excelente quinta pra ti
    Luli Café com Leitura na Rede

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Luli!!! 😻😻😻

      Pensa comigo: ele já vive irritado, mas, algo o irritou mais! E foi mais grave do que ser mandado pra outro planeta!

      Acho que você tem que ler!

      Beijoooo ❤❤❤

      Excluir
  4. "[...] Independente da raça, sempre tem aquele que reclama e aquele que quer tudo de mão beijada sem trabalhar", hahahaha! Melhor análise impossível, minha amiga Fêssora! Cecília, que produção admirável tem sido essa sua, e que trabalho bonito tem feito nesse espaço. Sua linguagem pra lá de descontraída, humaroda, informal, nos reporta para rodas de conversa, tom que influencia diretamente o interesse pela resenha e, sobretudo, pela leitura da obra resenhada.

    Li em paralelo suas duas resenhas, "Planeta Hulk-I e II", ambas ótimas, digo sem demagogias e convencionalidades, ficaram ótimas, e do ponto de vista feminino ficou o mais feminino possível. Há quem goste de uma resenha "unissex", de modo que quem lê nem perceba se foi homem, mulher, graduado ou amador quem a fez; há quem goste de sentir as distinções, que é o meu caso. Defendo que a presença feminina nesses espaço tem de ser sentida, percebida, apreciada com explicitude; tem feito isso muito bem com seu "Mundo Literário". Uma coisa que preciso por em relevo é a sua percepção crítico-literária que somente leitores inveterados e os críticos profissionais detêm. Tanto em "Planeta Hulk-I quanto no II" você esteve atenta para um elemento artístico que muitos julgariam ser alheio à estrutura da obra, no caso, a cartela de cores, que sempre foi o termômetro de medição da arte sequencial (e hoje é também do cinema). As cores são parte do enredo, "falam" sobre o estado de espírito dos personagens, da atmosfera dos cenários, do tom da narrativa, do clima de ações, da subjetividade. Atenta a isso, a Cecy consegue acompanhar as variações dos matizes e com isso inferir nos acontecimentos. Isso é excelente na sua escrita, minha amiga!

    Gostei das duas fotos folheando a HQ. Acho esse tipo de captura mais plurissignificativo, sabe? É legal ver a foto da capa do livro, da HQ, o display do Kindle mostrando a página lida, mas aí é como se a obra fosse "fria", isolada do mundo. Uma foto do leitor com o objeto de leitura os faz se amalgamarem, faz um ser parte do outro, muito bom. Estou realmente admirado com seu desenvolvimento como resenhista de quadrinhos. De fato, qualquer leitor pode resenhar o que leu, agora capturar até o fim os que não leram é para poucos. Uma TEMPESTADE de abraços a ti.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá meu amigo vigilante. Fiquei muito lisonjeada com seu comentário, obrigada.
      Nunca tinha prestadi que minha escrita era tão feminina assim, achei legal isso, haha. Qua di estou lendo gibi gosto de pensar que as cores são o complemento do que não está descrito, sabe, que através dela podemos ver o que o.ilustrador quis ambientar ali, o desespero, o medo, a esperança... Fico feliz em saber que não estou pensando bibeiras, rs.
      Quanto as fotos, de um tempo pra cá resolvi tirar minhas próprias fotos, só quando não ficam boas mesmo eu recorro as imagens da internet, do contrário, eu mesmo as tiro. Essas todas são de autoria própria, em algumas dá até pra ver minhas unhas, heheh...
      Fiquei feliz de verdade por saber que apreciou.

      Beijoooo

      Excluir
  5. Continue assim, amiga mutante. A gente agradece e quer mais! Bat-beijo.

    ResponderExcluir

Página Anterior Próxima Página Home
Layout criado por