quinta-feira, 25 de maio de 2017

Dica de livro: A Coroa de Ptolomeu - Rick Riordan

    Boa noite, fofinhos da tia Cê, tudo bem?
Bora encerrar o mash-up dos Olimpianos e dos Kane?


Imagem MLC


 SINOPSE: Depois do encontro de Percy e Carter, em O Filho de Sobek, e de Annabeth e Sadie, em O Cajado de Serápis, enfim chegou a hora de os quatro se unirem em uma divertida aventura mágica em um novo conto que une as séries de mitologia greco-romana e egípcia de Rick Riordan. 
Em A Coroa de Ptolomeu, Percy e Annabeth abrem mão de pegar um cinema no sábado para resolver um assunto bem chato: deter o espalhafatoso e lendário mago Setne, que mais parece um cruzamento de Elvis Presley com Prince versão 1980. Munido com o Livro de Tot e unindo as magias grega e egípcia, Setne - cuja história é contada em A sombra da Serpente e que é relembrado em O Cajado de Serápis - está tentando unir as duas coroas, do Baixo Egito e do Alto Egito, para se tornar um deus imortal.

Alguns meses se passaram desde o encontro de Annabeth e Sadie, as duas trocaram telefone, mas, sabiam que não podiam se falar para não atrair monstros. Carter por sua vez conjurou um hieróglifo na mão de Percy, e quando o filho de Poseidon dissesse em voz alta o nome do filho de Osíris, este atenderia seu chamado prontamente. Só que não! A filha de Atena não consegue falar com a loura de jeito nenhum e o Cabeça - de - Alga não consegue contato com o mago da casa do Brooklyn. E o pior de tudo é que coisas horríveis estão acontecendo, mas, como já houve duas tentativas anteriores, eles sabem que não podem lidar com as forças egípcias sozinhos, eles precisam - e rápido - do auxílio dos Kane para conseguir acabar com Setne.


Imagem MLC


    Como já afirmei esses dias, ainda não li As Crônicas de Kane, então, não tenho muita noção de qual foi o envolvimento de Setne com os Kane, só sei que eles detestam-se mutuamente, pois, os irmãos já frustraram os planos dele uma vez. Setne tenta a imortalidade através de uma magia antiga descrita do Livro de Tot. Ele conjura monstros e mortos para conseguir alcançar seus objetivos, mas, ao se deparar com os semideuses e magos, muitas surpresas o esperam. Algumas o ajudam, outras o atrapalham completamente, fora que Percy e Annabeth precisam conhecer os Kane e suas crenças mais profundamente para obterem sabedoria necessária para acabar com o tiozinho que usa como chapéu um cesto de cereal - que cai cereal cada vez que ele se mexe. Não vou contar nada para vocês dessa vez, só garanto que tio Rick mais uma vez não decepcionou. Agora, estou louca para conhecer os Kane, rs.


Imagem MLC

    Muita luta, muitos desafios, muita coisa grega, muita coisa egípcia, muita coisa pra assimilar e um enredo super gostoso de ler. Eu adorei, super recomendo. Fora que ainda tem o primeiro capítulo de Magnus Chase e os Deuses de Asgard - A Espada do Verão, que tem a resenha aqui.

A Coroa de Ptolomeu (The Crown os Ptolemy) - Rick Riordan. Editora Intrínseca, 78 páginas. Por que não dar uma chance?

    Até semana que vem, amores!

Beijoooo

quarta-feira, 24 de maio de 2017

Dica de Livro: O Cajado de Serápis - Rick Riordan

    Oooooiiiiii!!!!
Então, como disse no post anterior, estive dando um rolê no Acampamento Meio-Sangue pra matar a saudade, e a dica de hoje tem a ver com isso.


Imagem MLC

SINOPSE: Nessa aventura Annabeth Chase encontra mais esquisitices no metrô do que o habitual, incluindo um monstro de duas cabeças e uma menina loira jovem que lembra a ela um pouco de si mesma. A filha semideusa de Atena e a jovem maga da Casa do Brooklyn, enfrentam um inimigo maior do que a vida do mundo antigo, o deus greco-egípcio Serápis, que voltou a vida e pretende dominar os mundos grego e egípcio. Talvez ainda mais preocupante do que o deus sedento de poder que eles encontram é a revelação de que ele está sendo controlado por alguém muito familiar para  Sadie, o mago maligno Setne, que está foragido desde o fim de A Sombra da Serpente.

    Gente, esse é mais um pequeno conto lido em um dia que fez um mash up dos Olimpianos com os Kane. Dessa vez já se passaram alguns meses do encontro de Percy e Carter quando Annabeth vê um ser muito esquisito na estação enquanto estava indo pra casa de Percy. Aí ela olhou pro bicho, o bicho olhou pra ela, eles se olharam... E já viu, né? Ao invés de ir pra casa do namorado, decidiu seguir o monstro e encontrou uma loura com mais ou menos 13 anos, usando uma roupa branca como se fosse roupa de karatê e um sotaque britânico (fofo) e uma lança estranha. As duas imediatamente se identificam e se apresentam, filha de Atena e receptora de Ísis. Juntas tentam entender o que está acontecendo com elas e se unem para derrotar o mal que está afligindo ambas. Além de fazerem as mesmas perguntas que os meninos fizeram entre eles: quem e porquê estão querendo juntar os gregos e os egípcios? Literatura pra uma tarde, bem gostosinha.


O Cajado de Serápis (The Staff of Serapis) - Rick Riordan. Editora Miramax Books, 59 páginas. Pode ler que vale a pena.


Beijooooo

terça-feira, 23 de maio de 2017

Resenha #56 - O Filho de Sobek - Rick Riordan

    Hello pessoas!
Semana passada estive passeando pelo Acampamento Meio-Sangue novamente, ou seja, li os spin-off da famosa saga de Percy Jackson. Ainda não li As Crônicas de Kane, e eles fazem uma participação especial nestes livros. São três curtinhos, dá pra ler em um dia. Mas chega de "embaçação" (inventei palavra nova), bora lá?


Imagem MLC

    SINOPSE: Percy Jackson encontra Carter Kane em mais uma eletrizante aventura do autor best-seller Rick Riordan. No conto, ao investigar os ataques de um crocodilo imenso contra pégasos em Long Island, o grande herói do Olimpo conhece o líder da casa do Brooklyn, que também está no rastro da fera. Os dois se unem para combater o terrível filho de Sobek, mas as dúvidas são muitas: por que há um monstro egípcio atacando mitos gregos? Será que a união de forças dos dois heróis será suficiente para derrotar a fera? E a mais importante: quem estaria por trás desse terrível evento?

   Eu que sou apaixonada por mitos de tudo quanto é espécie, adorei esse. Conheço bastante da mitologia do Egito, mas, lendo esse livro descobri que o muito que conheço é pouco comparado ao tanto de coisa que tem pra se conhecer mais. Pra quem não sabe: Sobek é a divindade egípcia representada por um crocodilo que vive no fundo do Nilo e ostenta uma coroa com duas plumas bem grandes, o disco sagrado e algumas serpentes sagradas. Era o deus da fertilidade apesar de ter uma ligação com a morte também. Enfim, voltando ao foco, Percy está perseguindo um crocodilo que está atacando os pégasos dos semideuses gregos. Ao chegar em um rio em Long Island, ele acerta o bicho com Contracorrente - sua espada - mas, diferentemente de todos os outros monstros, esse não se desintegra, ao contrário, engole Percy inteiro. Quem o ajuda é Carter Kane, que se recusa a se apresentar para o menino, que também não se apresenta a princípio. Carter revela sua ascendência egípcia e diz que aquele monstrengo provavelmente tem alguma ligação com a divindade do Nilo, Sobek, e que de alguma forma se sobressaiu e desandou a fazer estragos por todo o estado. Carter e Percy então precisam se unir para destruir o bicho, e eles notam um colar gigante em volta do pescoço do crocodilo, o que dá a Carter a certeza que o monstro realmente tem uma ligação com o Egito. 


Imagem MLC

    Agora as dúvidas ainda são muitas: por qual motivo um monstrengo egípcio está atacando os pégasos gregos? Por que ele cruzou o caminho de Percy e de Carter? Quem os quer juntos? Por que os querem juntos? Eles não revelam muita coisa um para o outro, apesar de se unirem passam o tempo todo um desconfiado do outro. Percy apenas diz que é um semideus filho de Poseidon enquanto Carter afirma ser um mago e filho de Osíris. Após enfrentarem muitos perrengues juntos, eles se aliam de vez passando a trabalhar em equipe e a confiarem um no outro para tentar obter sucesso. Se eles conseguem, aí só lendo, não vou contar, rs.


    O Filho de Sobek é um pequeno conto, com poucas páginas que me fez ter muita vontade de ler pela terceira vez Percy Jackson e os Olimpianos. As Crônicas de Kane já estão na lista de leitura do ano, e acho que vale super a pena saber o que Percy aprontou e o que ele enfrentou enquanto estava estudando fora do Acampamento Meio-Sangue.




Imagem MLC
O Filho de Sobek  (The Son of Sobek) Rick Riordan. Editora Intrínseca, 33 páginas. Adorei, super recomendo!


Beijoooo

quarta-feira, 17 de maio de 2017

News!

    Olá, meus amores, tudo de boa?

Então, ontem não teve post, hoje também não e amanhã também não terá. Motivo?

Resultado de imagem para vida de concurseiro frases
Imagem da internet

    Terei prova de concurso público no domingo e estou estudando. Passei hoje só pra dar uma "sastifação", heheheh... Mas, semana que vem, é nóis!


Beijoooo

quinta-feira, 11 de maio de 2017

#VocêNãoEstáSozinho

    Oi pessoas, tudo bem?
Não, não vou falar novamente do livro do Max Lucado com o mesmo nome, não. Hoje o post é de conscientização. 

   Já aconteceu de você se sentir tão aflito a ponto de não saber como agir? Já teve vontade de desistir? Já se sentiu andando em círculos, não sabe de onde saiu e pra onde vai? Tem medo de escuro, de palhaços, de bexigas de sapos, de pessoas, de tudo? Sabia que você não é o único? Eu tenho medo de algumas coisas, mas, não comento porque seria vergonhoso, hahaha. Fora os outros medos que eu tenho que não posso dizer, não por  serem vergonhosos por serem infantis, mas, por terem sido humilhantes.  Sim, a Cecy aqui, a doidinha que está sempre sorridente já passou por perrengues complicados que me fizeram perder o sorriso por meses. Ainda terei a oportunidade de contar o motivo que me tirou o sorriso, o sono, a fome e a liberdade de sair sem medo, mas, ainda não é o momento. Só sei que nunca me senti tão mal, tão sozinha e tão envergonhada, tão perdida. Me sentia solitária mesmo!

Imagem da internet

     Minha amiga querida Clarissa Assis do blog Próxima Primavera juntamente com outras três amigas que também são blogueiras e estudam juntas estavam conversando sobre situações que em algum momento elas passaram e uma se identificou com a situação da outra, e elas chegaram a conclusão de que muitas outras pessoas passam por situações que outra pessoa também já passou. E então surgiu o Você Não Está Sozinho, um blog onde as pessoas podem contar seus dramas, seus medos e ansiedades e se ajudar mutuamente. Sem julgamentos, sem pressão, só você sendo você e conversando sobre coisas que não são fáceis de se falar e como/se já foi superada a situação. Muitas vezes é ruim falar com amigos, com terapeuta... Conversaram com outras blogueiras que também adotaram a ideia e foi dada a largada! Botaram o blog pra funcionar, tiraram a ideia do papel. 

Imagem da internet
    Sabe, eu nunca fui um modelo de beleza, ao contrário, sempre fui muito feinha e descabelada, e tiravam muito sarro de mim quando eu era menor. Aos doze anos, pela primeira vez alguém me achou bonita... E meu próprio pai desdenhou de mim falando que o garoto tinha sérios problemas de visão. Ouvir isso de colegas da escola é xarope, mas, ouvir coisas assim de quem está perto e te ama, a gente acredita, né? Pois é, eu já tinha mais de 20 anos quando comecei a acreditar que os elogios que as pessoas me faziam eram verdadeiros... Esse é o ponto! A missão do blog é ter em mente que ninguém está sozinho, é saber que tem pessoas dispostas a ouvir aquilo que talvez ninguém mais esteja disposto. O objetivo é segurar em uma mão amiga e saber que mesmo de longe, todos somos amados. Eu gosto de escrever. Mantive diários durante 15 anos, até que resolvi parar e tentar outra abordagem. Dizem que quem mantém diários ou algum tipo de registro da vida há chances de 49% de crescimento. Cresci bastante, mas, agora já não faço mais isso, hoje escrevo menos sobre problemas, de certa forma meu cantinho me ajudou bastante nesse ponto.


Imagem da internet (Jennifer Niven)
    Acredito que Deus capacita pessoas para nos ajudar, aqueles anjos sem asas, por assim dizer, como as meninas que tiveram essa ideia maravilhosa de oferecer a mão amiga para quem precisa. #VocêNãoEstáSozinho ainda está em construção, e durante esse mês, as administradoras estarão semanalmente postando suas histórias de vida, e a partir do próximo mês, já começarão os posts da galera, mas, você pode enviar sua história (tem um formulário lá e tudo!) a qualquer momento. Você pode se identificar ou não, ou seja, fique à vontade que o espaço é seu!


Imagem da internet

Então, gentemmm, para conhecer mais sobre o site, só clicar no link abaixo:


E os blogs colaboradores são:




E lembre-se: Você não está sozinho!

    Quando ficar pesado demais o fardo, lá em Isaías 41:13 tem um conselho do Eterno para nós: "Porque Eu, o Senhor teu Deus, que te tomo pela tua mão direita, e te digo: Não temas, que eu te ajudo"

Beijooooo

quarta-feira, 10 de maio de 2017

Resenha #55 - Sobreviventes do Caos - Bianca Gulim

     Olá pessoas, tchudjo bem?
Tô bem também, obrigada! E conforme o prometido, hoje tem resenha, yey!
E para a resenha de hoje teremos o livro da parceira do blog Bianca Gulim. Bi, sua linda, eu amei essa trama e estou super ansiosa para a continuação. Continuação? Sim, esse é o primeiro da trilogia 2323.


Imagem MLC

SINOPSE: Em um mundo distópico, no ano de 2323, após ser quase dizimada por um vírus mortal e pela guerra, a raça humana tenta se reestruturar. Com poucos recursos disponíveis, a humanidade encontra-se dividida em grupos que vivem de acordo com regras impostas por seus líderes.
Celine cresceu nesse ambiente hostil e se tornou líder dos guerreiros de seu povo após a morte de seus pais. Seu grupo se envolve em diversos conflitos e a jovem precisa tomar as decisões que julga corretas para garantir a sobrevivência de seus povo, enquanto se envolve num forte romance, do qual tenta se manter afastada.
Aos poucos, ela descobre mais sobre as pessoas que a cercam e percebe que, quando se trata de lutar pela própria vida, poucos são previsíveis. Só os mais fortes sobrevivem, e os mais fortes normalmente são os mais cruéis. Nesse ambiente, o mais difícil é saber quem realmente está ao seu lado e quem é um traidor.
Será Celine capaz de manter sua benevolência em frente à tanta violência que a rodeia? Seu coração terá espaço para a paixão, cercado de tanto ódio?
Prepare-se para muita adrenalina e romance nesse primeiro livro da trilogia 2323. Você vai perder o fôlego! 


    Gente, vocês sabem que muitas sinopses exageram em seu conteúdo, certo? Às vezes a sinopse é mara e o enredo não é tudo isso. Já aconteceu isso com vocês? Pois é, não é esse o caso nessa trama aqui! Bora pra resenha?



Imagem MLC

    Confesso que adoro distopias, gentemmm. Vocês sabem que amo os Jogos, adoro Divergente, estou gostando muito da série Feios, e esse não ficou pra trás em nada. A protagonista Celine tem um pouco de cada uma das heroínas distópicas que vemos nos livros por aqui: a coragem e o amor fraterno de Katniss, a força e abnegação de Tris e o sangue frio e calma de Tally (Feios) - só que sem a insegurança -  e assim como toda distopia, sempre temos uma pessoa lutando por uma causa nobre. Mas aqui, a história muda um pouco de figura: primeiro que em momento algum é dito que Celine é uma garota de dezesseis anos, ao contrário, nem é citada a idade dela, mas, eu calculo que ela seja adulta. E nada tira da minha cabeça que ela tenha por volta de seus 24, 25 anos. Não sei, mas, ela ficou órfã cedo, o irmão era o líder do grupo deles e ela aprendeu desde cedo a lutar e conquistou o cargo de confiança de líder dos guerreiros, então, calculo que ela seja adulta. Enfim, adulta ou adolescente, eu amei a Celine.

    O livro é bem carregado de ação, cenas pesadas e muito palavrão. Uma linguagem bem agressiva para um enredo bem agressivo. Celine está vivendo um dilema: seu irmão está desaparecido e as pessoas que eles acolheram  em seu acampamento estão se rebelando aos poucos. Celine então precisa ter sangue frio e estratégia para saber lidar com o que virá por aí. Ela sempre confiou cegamente em três pessoas: seu irmão Júlio, seu melhor amigo Darion e em Max. Max é aquele típico cara grosseiro que resolve tudo na ignorância, mas, que tem um lado praticamente desconhecido. Eu disse praticamente, pois Celine o conhecia melhor que qualquer outro.

    Fica claro desde a primeira vez que eles se esbarram que ali rola uma atração muito forte, e Max sabe que Celine é louca por ele, mas, ela nega com todas as forças. Quando vê seu acampamento praticamente destruído por aqueles que o grupo acolheu e sem notícias do seu irmão, Celine fica meio sem chão. Piora tudo quando ela descobre que Max está trabalhando com seus inimigos. Aí o chão some de vez, rs. Após muita confusão, consegue fugir e se refugiar juntamente com Darion no acampamento de alguns fugitivos do povo da areia, que cansaram da tirania de seu autointitulado Rei e fugiram do deserto para tentarem uma nova vida nas matas. Vivem em um ambiente democrático onde todas as decisões  são avaliadas e acatadas de acordo com a necessidade. Celine e Darion juntamente com seus novos amigos, estudam estratégias para descobrir os planos daqueles que tomaram seu acampamento, enquanto tenta convencer a todos que Max está agindo como um "agente duplo'', na concepção da moça, não é possível que Max tenha traído a confiança dela. 

    Nesse meio tempo ela conhece Luke, um moço do povo da areia que estava preso com ela juntamente com a irmãzinha dele. Para salvá - los, Celine faz algumas loucuras, mas, acaba sendo capturada novamente, porém, com a ajuda de seu povo que a ama e zela por ela, a moça consegue escapar, ferida, porém consegue, e Luke está ali ao lado dela. E obviamente, vemos Luke caindo de amores por Celine, que apesar de ficar meio que hipnotizada por seus olhos, não corresponde o sentimento, então, não, NÃO temos um triângulo amoroso aqui, gente. A não ser que o triângulo seja o simples fato de duas pessoas gostar de uma e ela não corresponder a um deles, pois é isso que acontece aqui, o triângulo não completa, hahahah. 


Imagem MLC

    Enfim, decisões são tomadas, mortes acontecem, batalhas, perdas, traições, reencontros... Tudo e mais um pouco. Eu simplesmente não conseguia parar de ler, e li rapidinho, li uns três capítulos em um dia e terminei no outro. Sabe quando você come um livro a ponto de não conseguir parar de ler? Então, foi isso o que aconteceu. 

    A única reclamação que tenho, é que essas minhas parceiras, vou te contar, adoram me deixar imaginando coisas por terminarem o livro com gancho pro próximo livro, sabe, rs! Sério, quando cheguei no último parágrafo, não foi aquela coisa de "ah, ok, legal, fechou interessante. Como será que será o próximo?" Mas, nããããããããããoooo, elas precisam fazer algo que me deixa mais ou menos assim: "Peraê, o quê? Como? Nah, não posso ter lido isso, é assim mesmo? Mas, e agora? E AGORA?!?" Foi exatamente assim que eu fiquei, pasma! Vou te dizer...

    Enfim, em outras palavras: eu adorei a leitura, gente, de verdade! É uma distopia diferente das distopias que vemos por aí, e isso me deixou feliz, saiu um pouco daquele negócio de a adolescente que precisa fazer escolhas. Não, ela já escolheu, precisa lutar sim, mas, para manter aquilo que ela já defende há tempos. Curti isso! Daria um ótimo filme! 

    Bom galera, vou encerrando por aqui, deixando essa resenha enoooorme desse livro MA-RA-VI-LHO-SO! Bi, volto a dizer que você arrasou! E gentemmm,  Sobreviventes do Caos está à venda na Amazon bem baratinho, clique aqui para conferir, mas, querem uma notícia melhor ainda? Então, olhem esse banner aqui embaixo, ó:


Imagem Bianca Gulim


Sobreviventes do Caos - Trilogia 2323 - Bianca Gulim, Livro Digital, 183 páginas. Editora: Independente. Suuuuuuuper recomendo! E sem moderação!

    Era isso amores, beijooooo!


AAAHHHH!!! Lembrando ainda que tem o sorteio dos marcadores de Sobreviventes do Caos e de outros livros também. Clique aqui para participar!

terça-feira, 9 de maio de 2017

Conhecendo RM Cordeiro | Parceria

    Olá, meus amores, saudade do cês...
Essa semaninha tirei pra descansar após os trinta posts do BEDA que eu achei que não conseguiria fazer, mas, cheguei á, rs. E agora voltamos a programação normal, com posts três vezes por semana: terças, quartas e quintas-feiras. 

    E hoje vim trazer um pouquinho de uma pessoa maravilhosa que tive a oportunidade de conhecer de fazer mais uma parceria aqui no blog, a RM Cordeiro, autora de Tinderela - a Procura do Amor na Era Digital.


Imagem RM Cordeiro



Bora conhecer mais um pouquinho dela? 

Biografia

Apaixonada por palavras desde sempre, é assim que eu me vejo. Desde que aprendi a identificar as palavras, formar frases, entender seus significados, eu me apaixonei por elas, e elas me influenciaram a partir de então, me levando a uma busca incessante para conhecer cada vez mais, entender cada vez mais.
As palavras me seguiram durante toda a vida, fosse lendo por diversão durante a minha adolescência, fosse lendo por curiosidade e necessidade durante a faculdade, e atualmente, distribuindo-as através das redes sociais ligadas à literatura ou em meus perfis pessoais.
Atualmente com 34 anos, Bacharel em Fisioterapia, pós-graduada em Pediatria Hospitalar e Reabilitação Neurológica, divido meus dias entre meu trabalho no Sistema Público de Saúde e a paixão pelas palavras. Paixão tão intensa que tem transbordado pelo teclado do meu pequeno computador e tem sido compartilhada com outros amantes das palavras, através de crônicas, contos e romances que eu escrevo, desde 2015, em uma tentativa de dar vazão a todos os sentimentos que as palavras sempre me despertaram e despertam. E tem sido muito bom.

“Dividindo os dias entre o que precisa fazer e sonhando com o que deseja realizar, ela está por aí no metrô tentando equilibrar a mochila em um braço e um livro no outro, enquanto desvia dos que passam por ela sem olhar; diante do espelho, procurando uma saia que disfarce o que acha imperfeito e um sapato que vai lhe causar dores, mas que é bonito, só para fazer uma boa figura diante de pessoas com quem ela nem sabe se quer estar; no ônibus olhando pela janela, enxergando coisas que só ela vê nas nuvens brancas ou cinzas, dependendo do dia; no Café bebericando um mocaccino que lhe aquece o peito e adoça os lábios que sorriem involuntariamente por esse pequeno gesto de generosidade a si própria. Ela está por aí, talvez do seu lado, ou talvez no reflexo do espelho. Porque ela é você. Ela sou eu. Tentando se encontrar enquanto se perde.”
Ela, crônica publicada no Blog Papel Papel em Maio de 2016.

Facebook: RM Cordeiro
Instagram: @rmcordeiroautora
Skoob: Regiane Medeiros
Wattpad: @RMCordeiro
E-mail: contatormcordeiro@gmail.com



    E aí, povo? Não dá vontade de colocá-la no colo? Lá no Wattpad dela está cheio de contos pra gente se lambuzar - já estou por lá. E o conto "Tinderela - A Procura do Amor na Era Digital" está bem baratinho na Amazon, quer apostar? Clique na imagem abaixo e confira com seus próprios olhos!


Imagem RM Cordeiro


   Vou ficando por aqui, pessoas. Amanhã volto com resenha, ok?

Beijos e queijos! ^.~