quarta-feira, 17 de maio de 2017

News!

    Olá, meus amores, tudo de boa?

Então, ontem não teve post, hoje também não e amanhã também não terá. Motivo?

Resultado de imagem para vida de concurseiro frases
Imagem da internet

    Terei prova de concurso público no domingo e estou estudando. Passei hoje só pra dar uma "sastifação", heheheh... Mas, semana que vem, é nóis!


Beijoooo

quinta-feira, 11 de maio de 2017

#VocêNãoEstáSozinho

    Oi pessoas, tudo bem?
Não, não vou falar novamente do livro do Max Lucado com o mesmo nome, não. Hoje o post é de conscientização. 

   Já aconteceu de você se sentir tão aflito a ponto de não saber como agir? Já teve vontade de desistir? Já se sentiu andando em círculos, não sabe de onde saiu e pra onde vai? Tem medo de escuro, de palhaços, de bexigas de sapos, de pessoas, de tudo? Sabia que você não é o único? Eu tenho medo de algumas coisas, mas, não comento porque seria vergonhoso, hahaha. Fora os outros medos que eu tenho que não posso dizer, não por  serem vergonhosos por serem infantis, mas, por terem sido humilhantes.  Sim, a Cecy aqui, a doidinha que está sempre sorridente já passou por perrengues complicados que me fizeram perder o sorriso por meses. Ainda terei a oportunidade de contar o motivo que me tirou o sorriso, o sono, a fome e a liberdade de sair sem medo, mas, ainda não é o momento. Só sei que nunca me senti tão mal, tão sozinha e tão envergonhada, tão perdida. Me sentia solitária mesmo!

Imagem da internet

     Minha amiga querida Clarissa Assis do blog Próxima Primavera juntamente com outras três amigas que também são blogueiras e estudam juntas estavam conversando sobre situações que em algum momento elas passaram e uma se identificou com a situação da outra, e elas chegaram a conclusão de que muitas outras pessoas passam por situações que outra pessoa também já passou. E então surgiu o Você Não Está Sozinho, um blog onde as pessoas podem contar seus dramas, seus medos e ansiedades e se ajudar mutuamente. Sem julgamentos, sem pressão, só você sendo você e conversando sobre coisas que não são fáceis de se falar e como/se já foi superada a situação. Muitas vezes é ruim falar com amigos, com terapeuta... Conversaram com outras blogueiras que também adotaram a ideia e foi dada a largada! Botaram o blog pra funcionar, tiraram a ideia do papel. 

Imagem da internet
    Sabe, eu nunca fui um modelo de beleza, ao contrário, sempre fui muito feinha e descabelada, e tiravam muito sarro de mim quando eu era menor. Aos doze anos, pela primeira vez alguém me achou bonita... E meu próprio pai desdenhou de mim falando que o garoto tinha sérios problemas de visão. Ouvir isso de colegas da escola é xarope, mas, ouvir coisas assim de quem está perto e te ama, a gente acredita, né? Pois é, eu já tinha mais de 20 anos quando comecei a acreditar que os elogios que as pessoas me faziam eram verdadeiros... Esse é o ponto! A missão do blog é ter em mente que ninguém está sozinho, é saber que tem pessoas dispostas a ouvir aquilo que talvez ninguém mais esteja disposto. O objetivo é segurar em uma mão amiga e saber que mesmo de longe, todos somos amados. Eu gosto de escrever. Mantive diários durante 15 anos, até que resolvi parar e tentar outra abordagem. Dizem que quem mantém diários ou algum tipo de registro da vida há chances de 49% de crescimento. Cresci bastante, mas, agora já não faço mais isso, hoje escrevo menos sobre problemas, de certa forma meu cantinho me ajudou bastante nesse ponto.


Imagem da internet (Jennifer Niven)
    Acredito que Deus capacita pessoas para nos ajudar, aqueles anjos sem asas, por assim dizer, como as meninas que tiveram essa ideia maravilhosa de oferecer a mão amiga para quem precisa. #VocêNãoEstáSozinho ainda está em construção, e durante esse mês, as administradoras estarão semanalmente postando suas histórias de vida, e a partir do próximo mês, já começarão os posts da galera, mas, você pode enviar sua história (tem um formulário lá e tudo!) a qualquer momento. Você pode se identificar ou não, ou seja, fique à vontade que o espaço é seu!


Imagem da internet

Então, gentemmm, para conhecer mais sobre o site, só clicar no link abaixo:


E os blogs colaboradores são:




E lembre-se: Você não está sozinho!

    Quando ficar pesado demais o fardo, lá em Isaías 41:13 tem um conselho do Eterno para nós: "Porque Eu, o Senhor teu Deus, que te tomo pela tua mão direita, e te digo: Não temas, que eu te ajudo"

Beijooooo

quarta-feira, 10 de maio de 2017

Resenha #55 - Sobreviventes do Caos - Bianca Gulim

     Olá pessoas, tchudjo bem?
Tô bem também, obrigada! E conforme o prometido, hoje tem resenha, yey!
E para a resenha de hoje teremos o livro da parceira do blog Bianca Gulim. Bi, sua linda, eu amei essa trama e estou super ansiosa para a continuação. Continuação? Sim, esse é o primeiro da trilogia 2323.


Imagem MLC

SINOPSE: Em um mundo distópico, no ano de 2323, após ser quase dizimada por um vírus mortal e pela guerra, a raça humana tenta se reestruturar. Com poucos recursos disponíveis, a humanidade encontra-se dividida em grupos que vivem de acordo com regras impostas por seus líderes.
Celine cresceu nesse ambiente hostil e se tornou líder dos guerreiros de seu povo após a morte de seus pais. Seu grupo se envolve em diversos conflitos e a jovem precisa tomar as decisões que julga corretas para garantir a sobrevivência de seus povo, enquanto se envolve num forte romance, do qual tenta se manter afastada.
Aos poucos, ela descobre mais sobre as pessoas que a cercam e percebe que, quando se trata de lutar pela própria vida, poucos são previsíveis. Só os mais fortes sobrevivem, e os mais fortes normalmente são os mais cruéis. Nesse ambiente, o mais difícil é saber quem realmente está ao seu lado e quem é um traidor.
Será Celine capaz de manter sua benevolência em frente à tanta violência que a rodeia? Seu coração terá espaço para a paixão, cercado de tanto ódio?
Prepare-se para muita adrenalina e romance nesse primeiro livro da trilogia 2323. Você vai perder o fôlego! 


    Gente, vocês sabem que muitas sinopses exageram em seu conteúdo, certo? Às vezes a sinopse é mara e o enredo não é tudo isso. Já aconteceu isso com vocês? Pois é, não é esse o caso nessa trama aqui! Bora pra resenha?



Imagem MLC

    Confesso que adoro distopias, gentemmm. Vocês sabem que amo os Jogos, adoro Divergente, estou gostando muito da série Feios, e esse não ficou pra trás em nada. A protagonista Celine tem um pouco de cada uma das heroínas distópicas que vemos nos livros por aqui: a coragem e o amor fraterno de Katniss, a força e abnegação de Tris e o sangue frio e calma de Tally (Feios) - só que sem a insegurança -  e assim como toda distopia, sempre temos uma pessoa lutando por uma causa nobre. Mas aqui, a história muda um pouco de figura: primeiro que em momento algum é dito que Celine é uma garota de dezesseis anos, ao contrário, nem é citada a idade dela, mas, eu calculo que ela seja adulta. E nada tira da minha cabeça que ela tenha por volta de seus 24, 25 anos. Não sei, mas, ela ficou órfã cedo, o irmão era o líder do grupo deles e ela aprendeu desde cedo a lutar e conquistou o cargo de confiança de líder dos guerreiros, então, calculo que ela seja adulta. Enfim, adulta ou adolescente, eu amei a Celine.

    O livro é bem carregado de ação, cenas pesadas e muito palavrão. Uma linguagem bem agressiva para um enredo bem agressivo. Celine está vivendo um dilema: seu irmão está desaparecido e as pessoas que eles acolheram  em seu acampamento estão se rebelando aos poucos. Celine então precisa ter sangue frio e estratégia para saber lidar com o que virá por aí. Ela sempre confiou cegamente em três pessoas: seu irmão Júlio, seu melhor amigo Darion e em Max. Max é aquele típico cara grosseiro que resolve tudo na ignorância, mas, que tem um lado praticamente desconhecido. Eu disse praticamente, pois Celine o conhecia melhor que qualquer outro.

    Fica claro desde a primeira vez que eles se esbarram que ali rola uma atração muito forte, e Max sabe que Celine é louca por ele, mas, ela nega com todas as forças. Quando vê seu acampamento praticamente destruído por aqueles que o grupo acolheu e sem notícias do seu irmão, Celine fica meio sem chão. Piora tudo quando ela descobre que Max está trabalhando com seus inimigos. Aí o chão some de vez, rs. Após muita confusão, consegue fugir e se refugiar juntamente com Darion no acampamento de alguns fugitivos do povo da areia, que cansaram da tirania de seu autointitulado Rei e fugiram do deserto para tentarem uma nova vida nas matas. Vivem em um ambiente democrático onde todas as decisões  são avaliadas e acatadas de acordo com a necessidade. Celine e Darion juntamente com seus novos amigos, estudam estratégias para descobrir os planos daqueles que tomaram seu acampamento, enquanto tenta convencer a todos que Max está agindo como um "agente duplo'', na concepção da moça, não é possível que Max tenha traído a confiança dela. 

    Nesse meio tempo ela conhece Luke, um moço do povo da areia que estava preso com ela juntamente com a irmãzinha dele. Para salvá - los, Celine faz algumas loucuras, mas, acaba sendo capturada novamente, porém, com a ajuda de seu povo que a ama e zela por ela, a moça consegue escapar, ferida, porém consegue, e Luke está ali ao lado dela. E obviamente, vemos Luke caindo de amores por Celine, que apesar de ficar meio que hipnotizada por seus olhos, não corresponde o sentimento, então, não, NÃO temos um triângulo amoroso aqui, gente. A não ser que o triângulo seja o simples fato de duas pessoas gostar de uma e ela não corresponder a um deles, pois é isso que acontece aqui, o triângulo não completa, hahahah. 


Imagem MLC

    Enfim, decisões são tomadas, mortes acontecem, batalhas, perdas, traições, reencontros... Tudo e mais um pouco. Eu simplesmente não conseguia parar de ler, e li rapidinho, li uns três capítulos em um dia e terminei no outro. Sabe quando você come um livro a ponto de não conseguir parar de ler? Então, foi isso o que aconteceu. 

    A única reclamação que tenho, é que essas minhas parceiras, vou te contar, adoram me deixar imaginando coisas por terminarem o livro com gancho pro próximo livro, sabe, rs! Sério, quando cheguei no último parágrafo, não foi aquela coisa de "ah, ok, legal, fechou interessante. Como será que será o próximo?" Mas, nããããããããããoooo, elas precisam fazer algo que me deixa mais ou menos assim: "Peraê, o quê? Como? Nah, não posso ter lido isso, é assim mesmo? Mas, e agora? E AGORA?!?" Foi exatamente assim que eu fiquei, pasma! Vou te dizer...

    Enfim, em outras palavras: eu adorei a leitura, gente, de verdade! É uma distopia diferente das distopias que vemos por aí, e isso me deixou feliz, saiu um pouco daquele negócio de a adolescente que precisa fazer escolhas. Não, ela já escolheu, precisa lutar sim, mas, para manter aquilo que ela já defende há tempos. Curti isso! Daria um ótimo filme! 

    Bom galera, vou encerrando por aqui, deixando essa resenha enoooorme desse livro MA-RA-VI-LHO-SO! Bi, volto a dizer que você arrasou! E gentemmm,  Sobreviventes do Caos está à venda na Amazon bem baratinho, clique aqui para conferir, mas, querem uma notícia melhor ainda? Então, olhem esse banner aqui embaixo, ó:


Imagem Bianca Gulim


Sobreviventes do Caos - Trilogia 2323 - Bianca Gulim, Livro Digital, 183 páginas. Editora: Independente. Suuuuuuuper recomendo! E sem moderação!

    Era isso amores, beijooooo!


AAAHHHH!!! Lembrando ainda que tem o sorteio dos marcadores de Sobreviventes do Caos e de outros livros também. Clique aqui para participar!

terça-feira, 9 de maio de 2017

Conhecendo RM Cordeiro | Parceria

    Olá, meus amores, saudade do cês...
Essa semaninha tirei pra descansar após os trinta posts do BEDA que eu achei que não conseguiria fazer, mas, cheguei á, rs. E agora voltamos a programação normal, com posts três vezes por semana: terças, quartas e quintas-feiras. 

    E hoje vim trazer um pouquinho de uma pessoa maravilhosa que tive a oportunidade de conhecer de fazer mais uma parceria aqui no blog, a RM Cordeiro, autora de Tinderela - a Procura do Amor na Era Digital.


Imagem RM Cordeiro



Bora conhecer mais um pouquinho dela? 

Biografia

Apaixonada por palavras desde sempre, é assim que eu me vejo. Desde que aprendi a identificar as palavras, formar frases, entender seus significados, eu me apaixonei por elas, e elas me influenciaram a partir de então, me levando a uma busca incessante para conhecer cada vez mais, entender cada vez mais.
As palavras me seguiram durante toda a vida, fosse lendo por diversão durante a minha adolescência, fosse lendo por curiosidade e necessidade durante a faculdade, e atualmente, distribuindo-as através das redes sociais ligadas à literatura ou em meus perfis pessoais.
Atualmente com 34 anos, Bacharel em Fisioterapia, pós-graduada em Pediatria Hospitalar e Reabilitação Neurológica, divido meus dias entre meu trabalho no Sistema Público de Saúde e a paixão pelas palavras. Paixão tão intensa que tem transbordado pelo teclado do meu pequeno computador e tem sido compartilhada com outros amantes das palavras, através de crônicas, contos e romances que eu escrevo, desde 2015, em uma tentativa de dar vazão a todos os sentimentos que as palavras sempre me despertaram e despertam. E tem sido muito bom.

“Dividindo os dias entre o que precisa fazer e sonhando com o que deseja realizar, ela está por aí no metrô tentando equilibrar a mochila em um braço e um livro no outro, enquanto desvia dos que passam por ela sem olhar; diante do espelho, procurando uma saia que disfarce o que acha imperfeito e um sapato que vai lhe causar dores, mas que é bonito, só para fazer uma boa figura diante de pessoas com quem ela nem sabe se quer estar; no ônibus olhando pela janela, enxergando coisas que só ela vê nas nuvens brancas ou cinzas, dependendo do dia; no Café bebericando um mocaccino que lhe aquece o peito e adoça os lábios que sorriem involuntariamente por esse pequeno gesto de generosidade a si própria. Ela está por aí, talvez do seu lado, ou talvez no reflexo do espelho. Porque ela é você. Ela sou eu. Tentando se encontrar enquanto se perde.”
Ela, crônica publicada no Blog Papel Papel em Maio de 2016.

Facebook: RM Cordeiro
Instagram: @rmcordeiroautora
Skoob: Regiane Medeiros
Wattpad: @RMCordeiro
E-mail: contatormcordeiro@gmail.com



    E aí, povo? Não dá vontade de colocá-la no colo? Lá no Wattpad dela está cheio de contos pra gente se lambuzar - já estou por lá. E o conto "Tinderela - A Procura do Amor na Era Digital" está bem baratinho na Amazon, quer apostar? Clique na imagem abaixo e confira com seus próprios olhos!


Imagem RM Cordeiro


   Vou ficando por aqui, pessoas. Amanhã volto com resenha, ok?

Beijos e queijos! ^.~

domingo, 30 de abril de 2017

{{BEDA}} Post nº 30 - Retrospectiva do mês

    Hello, Sweeties...
E hoje é o último dia do BEDA, aaaahhhh.... Quero agradecer a todos que estiveram ligadinhos aqui comigo. 

    Como estou pobre, não comprei nada esse mês, então, não tem livro novo, hahaha! Mas, ainda assim, muita coisa boa aconteceu! Bora ver tudo o que rolou nesse mês?

Recebidos (presenteados):

Olho Grego

Imagem MLC

    Minha amiga querida e parceira aqui do meu cantinho Bella Crestan fez uma pergunta lá no Instagram: em que cantor Ed foi inspirado? Enquanto estava lendo Sob o Olhar Grego, tive a certeza que Bella descreveu o músico Ed Sheeran. Respondi isso e ganhei essa linda pulseira com o olho grego e uma cartinha cheia de amor. Eu amei de paixão! Obrigadinha, chuchu! Ah, pra quem não conferiu a divertida entrevista com a Bella, clique aqui.

Marcadores Sobreviventes do Caos


Imagem MLC
Outra surpresa: estava indo pra cidade, passei pelo carteiro na rua de baixo da minha e perguntei se tinha algo pra mim. Ele me entregou um envelope com literalmente, a minha cara. Ao abrir me deparei com esses lindos marcadores que a Bianca Gulim parceira aqui do blog me enviou. Eu fiquei muito feliz com os marcadores e com a cartinha linda que ela enviou junto. Alguns desses marcadores estão sendo sorteados aqui no blog, clique aqui para maiores informações. Bi, sua linda, obrigadíssima, eu amei! E em breve resenha de Sobreviventes do Caos, hein?


Mais marcadores


Imagem MLC
E falando em marcadores, tive a oportunidade de conhecer a Letícia Santos do blog Ler com a Leh, um espaço lindo e maravilhoso e ela me presenteou com esses marcadores fofos do blog dela. Obrigada, flor!


Lidos:

Li pouco esse mês, galera, preciso melhorar esse índice, pois além daquela lista gigante de metas, existem os de fora das metas, hahaha...


As Virgens Suicidas - Jeffrey Eugenedes 

Imagem MLC


Sobreviventes do Caos - Bianca Gulim - resenha em breve. Gente, eu simplesmente AMEIIII esse livro, recomendo a todos!

Série:

Os 13 Porquês (13 Reasons Why)


Imagem MLC

SINOPSE: Uma caixa de sapatos é enviada para Clay por Hannah, sua amiga e paixão platônica secreta da escola. O jovem se surpreende ao ver o remetente, pois Hannah acabara de se suicidar. Dentro da caixa, há várias fitas cassete, onde a jovem lista os 13 motivos que a levaram a interromper sua vida - além de instruções para elas serem passadas entre os demais envolvidos.

Pois é, não resisti. Gostei muito, apesar de achar que o enredo mudou bastante do livro pra série. Mês que vem vai rolar um "Livro X Série" dessa obra. Pra quem quiser ler a resenha desse livro que fiz ano passado durante o BEDS, clique aqui. Com Dylan Minnette, Katherine Langford e Christian Navarro com um cabelinho muito estranho.

Filmes:

Mestres do Universo - 1987

Imagem da internet
SINOPSE: Esqueleto conseguiu invadir o castelo de Grayskull e fez a Feiticeira como sua prisioneira. Sua intenção é drenar sua força de forma a obter os poderes de Grayskull. He-Man, o homem mais forte do universo, e seus amigos Duncan, Teela e Gwildor acidentalmente foram enviados à Terra pela chave cósmica, invenção de Gwildor que permite a abertura de portais entre quaisquer pontos da galáxia. Desejando ter em mãos este objeto, que o ajudará a conquistar o universo, Esqueleto resolve vir à Terra para encontrá-lo. Só que a chave cósmica agora está com Julie Winston e seu namorado Kevin, que não sabem que a Terra está prestes a se tornar palco de uma batalha cósmica.

Bateu a nostalgia total, e em um desses acessos consegui voltar muitos anos da minha vida: He-Man era o cara! Queria muito assistir ao filme dele de novo, e foi osso pra achar, mas, deu certo. Foi bom sentir o gostinho da infância novamente. No elenco, Frank Langella, Doplh Lundgren e Courtney Cox.

Águas Rasas - 2016


SINOPSE: Nancy é uma jovem médica que está tendo dificuldade de lidar com a recente perda da mãe. Seguindo uma dica sua, ela vai surfar em uma paradisíaca praia isolada, onde acaba sendo atacada por um enorme tubarão. Desesperada e ferida, ela consegue se proteger temporariamente em um recife de corais, mas, precisa encontrar logo uma maneira de sair da água.

Diferente de Jaws, esse tubarão não conta com uma trilha sonora no momento do ataque, ele simplesmente surge do nada. Tomei altos sustos, mas, o maior deles foi em um momento tenso e decisivo, onde meus olhos estavam arregalados e vidrados na tela e meu gato pulou em cima de mim me fazendo dar um grito e simultaneamente, fazendo minha mãe chorar de rir. Não foi legal! =/. Blake Lively levando o filme sozinha.

O Sétimo Filho - 2015



SINOPSE: John Gregory é o sétimo filho e mantém uma cidade do século XVIII relativamente bem e longe dos maus espíritos. No entanto, ele não é mais jovem e suas tentativas de treinar um sucessor foram todas mal sucedidas. Sua última esperança é um menino chamado Thomas Ward, filho de um jovem fazendeiro. Seu primeiro desafio será grande: ele terá que enfrentar Mãe Malkin, uma terrível e poderosa bruxa que escapou do seu confinamento quando o grande mestre Gregory estava afastado da cidade.

Fazia um tempo que não assistia nada nesses naipe. Foi legal! Trama com Jeff Bridges, Ben Barnes e Julianne Moore.


Trolls - 2016




SINOPSE: Poppy, a líder otimista dos trolls, e Branch, o seu oposto embarcam em uma aventura que os leva a um mundo que nunca conheceram antes.

Filme lindo e fofo, gente. Com grandes nomes no elenco: Justin Timberlake, Anna Kendrick, Gwen Stefani, James Corden e ótimas músicas. Ali está o Justin cantando uma das músicas do filme


Divertida Mente - 2015

Imagem da internet


SINOPSE: Riley é uma garota divertida de 11 anos de idade, que deve enfrentar mudanças importantes em sua vida quando seus pais decidem deixar a sua cidade natal, no estado de Minnesota, para viver em San Francisco. Dentro do cérebro de Riley, convivem várias emoções diferentes, como a Alegria, o Medo, a Raiva, o Nojinho e a Tristeza. A líder deles é Alegria, que se esforça bastante para fazer com que a vida de Riley seja sempre feliz. Entretanto, uma confusão na sala de controle faz com que ela e Tristeza sejam expelidas para fora do local. Agora, elas precisam percorrer as várias ilhas existentes nos pensamentos de Riley para que possam retornar à sala de controle - e, enquanto isto não acontece, a vida da garotinha muda radicalmente.

Gente, fiquei completamente apaixonada por esse filme. Traz um estudo aprofundado sobre a importância das nossas emoções. Vale a pena!

Momento mais marcante do mês:


Imagem MLC
Sem comentários!

Dica de autora nova no Wattpad:


Imagem Mackenzye Hartley
A Macky Cupcake arrebentando nas diversas histórias lançadas na plataforma. Em breve trarei a resenha de um dos livros dela aqui em primeira mão! Tem futuro essa garota!

Então é isso, pessoas! Obrigada a todos vocês que estiveram aqui comigo durante todo esse mês. Essa semana não tem mais post, preciso descansar, hahaha, mas, semana que vem estamos aí! E não se esqueçam de participar do SORTEIO, hein?

Beijoooo

sábado, 29 de abril de 2017

{{BEDA}} Post nº 29 - TAG: Sua vida em livros

    Olá pessoas, tudo bem?
Estou aqui hoje para responder a TAG que eu encontrei sapeando no blog Café com Livros, da Bárbara Recacho. quem não conhece o cantinho dela, passe por lá!

    Bora lá?

1. Escolha um livro para as iniciais de seu nome:


Imagem MLC
Compramos um Zoológico
Em Chamas
Carrego no Peito
Insurgente (resenha)
Livre das Garras do Sucesso
Imperatirz dos Etéreos, A (resenha)
A Fera (resenha


2. Conte sua idade pelos livros de sua estante... Qual é o livro?


Imagem da internet


Ainda não será dessa vez que revelarei minha idade, só digo que tô véia e que o livro é O Cortiço - está na meta de leitura do ano - ganhado de uma ex-aluna.


3. Encontre um livro ambientando em sua cidade, estado ou país?




Acho que nunca encontrarei um livro que se passa na minha cidade, mas, posso falar de algum que se passa no meu estado: Sampa.  Se é que ele realmente se passa em São Paulo, hahaha.


4. Escolha um livro que se passe em um lugar onde você gostaria de conhecer?


Imagem da internet
Alguém mais?


5. Escolha uma capa de livro com sua cor preferida?


Imagem da internet
Escolho Doze Doutores, Doze Histórias, de doze autores.

6. Qual livro te traz boas lembranças?


Imagem da inernet


A Hora do Amor, gente. Tenho um carinho enorme por esse livro, traz lembranças da infância...

7. Qual livro você teve mais dificuldade de terminar?


Imagem da internet

Tentando ler desde 2009...

8. Que livro ainda não lido te trará a sensação de "missão cumprida"?


Imagem da internet
Acho que vale o repeteco, né? Hahahah

Bom gentemmm, não vou indicar ninguém pra responder, mas, fiquem a vontade. Só me marquem depois! E participem do sorteio clicando aqui.

Beijoooo

sexta-feira, 28 de abril de 2017

{{BEDA}} Post nº 28 - Manias de leitores

    Olá leitores!
E o BEDA está em sua reta final, não podemos deixar de lado os últimos dias. Estava aqui pensando com meus botões: nós leitores temos cada mania! Não sei vocês, mas, tem coisas que acho que só eu faço, hahah. e pensando nisso, vim compartilhar hoje algumas manias que eu tenho - e que tenho certeza que vocês também têm. 

   bora lá?

1 - Cheirar livros.



Tem coisa mais gostosa que cheirar livros?


2 - Comprar mais livros do que consegue ler




Ah, isso sempre! Nossas estantes sempre têm mais livros não lidos do que lidos, hahaha.


3 - "Só mais um capítulo..."




Já fiz isso algumas vezes. O último foi com o livro Sobreviventes do Caos, da Bianca Gulim, não queria parar e ficava falando que só leria mais um capítulo. E foi assim até terminar, hahahah...


4 - Tentar descobrir que livro o outro está lendo





Esses tempos atrás estava em uma cafeteria com uma amiga, mal prestando atenção na conversa dela porque estava tentando descobrir o que a pessoa sentada bem em frente a nossa mesa estava lendo, rs!


5 - Ter sempre um livro em mãos para ler onde estiver




Quer seja na praia, no campo, num chalé, colônia de férias, no ônibus, na mata, na cidade, fila da lotérica (adoro!), sempre ter um livro disponível é lei!

6 - Comemorar toda vez que o carteiro aparece




A gente faz amizade com eles, conversa, troca ideia, e quase morre de felicidade quando ele toca a campainha - ou bate palmas - e grita: "Carteiro!"


7 - Se apegar a algum personagem





Escolhi o Mr. Darcy pra essa foto pelo fato de todos vocês saberem que ele é o homem da minha vida. Apesar de ser amor verdadeiro, todo mundo sabe que eu me casei com Peeta Mellark dos Jogos, né?

8 - Sofrer com a morte de algum personagem




Tem personagens que nós pegamos pra nós, né? E quando ele morre...

9 - Sentir-se mal após acabar um livro 



Putz, isso é o pior: terminar aquele livro mara e ficar mal depois, mas, diferente da ressaca, já partir pra um próximo sem grilos.


10 - Enlouquecer em livrarias




Eu entro e esqueço do tempo. Uma vez estava com minha mãe voltando de Minas e falei pra ela que iria comprar uma salada de frutas pra nós e já voltava. Entrei na livraria e uma hora depois ela me ligou perguntando onde eu estava, afinal eu sumi a deixei com as malas e ela estava com fome, tadinha!


11 - Rir ou chorar em público durante a leitura




Já falei diversas vezes que não poupo risos ou lágrimas independente de onde eu esteja: dentro do busão, no ponto de ônibus, no quarto, no quintal, na fila da lotérica...


12 - Buscar posição confortável enquanto está lendo




Quase impossível adentrar a noite e encontrar uma posição da hora pra ler. Não vai, rs!


13 - Entrar em um universo paralelo durante a leitura




Tão comum eu deixar as pessoas falando sozinhas ou não responder ninguém durante a leitura...


14 - Fazer caras e bocas tentando imitar os personagens





Gente, eu sou dessas. Se no livro fala que fulano franziu a testa, fez bico, torceu o nariz, lá estou eu fazendo o mesmo. Minha sobrinha uma vez que rachou o bico a dar risada por que disse que eu estava fazendo careta durante a leitura, hahah.


15 - Ter ciúmes dos seus livros




Aqui em casa todo mundo já sabe: meus bebês são propriedade privada e artigo proibido. Só eu mexo, hahah.

16 - Sofrer de ressaca literária



Quem nunca? Gente, tem livros que me destruíram tanto que levei dias para me recuperar...


Então era isso!

Beijoooo


***Todas as imagens foram retiradas da internet

quinta-feira, 27 de abril de 2017

{{BEDA}} Post nº 27 - Citações

    Boa noite, chuchus!
Eu gosto bastante de citações. Se bem que quando estava na faculdade e na pós eu detestava ter que buscar citações para os trabalhos acadêmicos, isso acabava comigo, rs. Mas, lendo livros por aí, me deparo com cada citação maravilhosa, e, agora quero compartilhar algumas dessas citações aqui no meu cantinho.

    Bora lá?


Você Não Está Sozinho - Max Lucado 

Imagem da internet



Peter Pan - J.M. Barrie

Imagem da internet

Divergente - Veronica Roth


Imagem MLC


A Hospedeira - Stephanie Meyer


Imagem da internet


Imagem MLC
(Em tempos de revoltas, guerras, era lindo ver as pessoas conversarem pacificamente, cada uma de seu jeito peculiar. O respeito e a tolerância foram necessários para aquele momento. Interessante como quando saímos de nosso pequeno mundo e vemos além de fronteiras e barreiras, quando vemos que de fato a raça é humana, tudo vira uma linda poesia escrita por vários idiomas, mas que no fim significa apenas duas palavras: amor e respeito")




Imagem MLC
E pra finalizar, vou colocar duas citações de Dançando Sobre Cacos de Vidro - Ka Hancock





E a última...



Inté!

Beijoooo