sexta-feira, 2 de setembro de 2016

BEDS - Post n° 2 - Livros desistidos

    Hello, Sweeties, tudo bem com vocês?
Estou aqui mais uma vez com o meu BEDS - "Blog Every Day in September".

    
    Infelizmente acontece: muitos leitores acabam por deixar o livro do momento de lado por N motivos. Ou o livro não supre as expectativas do leitor, ou não nos identificamos com a escrita do autor, ou a história não prende a atenção, enfim, vários são os motivos que leva uma pessoa a desistir da leitura de um livro. Então, resolvi fazer um top dez dos livros desistidos que tenho na estante. 


    Bora lá?

  1 - AS AVENTURAS DE PI - YANN PATEL

    Piscine Molitor Patel, ou simplesmente Pi, é um menino indiano com crenças muçulmanas, cristãs e hindu, filho do dono de um zoológico com uma vida normal, até que sua família decide ir para o Canadá. Eles embarcam com os animais em um transatlântico e aí começam as aventuras do indiano. Eu estava doida para ler, sou apaixonada pelo filme. Achei essa edição com a capa do filme. As Aventuras de Pi era uma das grandes promessas de livros para mim, e, quando achei no Submarino por R$10,00, não resisti e comprei. Comecei a ler e estava bem empolgada, mas, achei o livro tão parado... Após três meses tentando ler sem sequer sair do mesmo capítulo, empaquei, não lia mais do que dois parágrafos por dia! Acabei trocando por Simplesmente Acontece da Cecelia Ahern e depois por outros, e assim sucessivamente, e até hoje, não terminei. Tá lá na estante bem bonitinho. O livro tem 371 páginas e eu parei na 149, comprado em 2015.


2- MULHERES, COMIDA E DEUS - GENEEN ROTH

    Como eu disse no post de ontem, esse foi um dos livros adquiridos em 2011 que não foi pra frente. O subtítulo da obra nos diz: "uma estratégia inspiradora para quase tudo na vida". E o livro promete bastante, sabe. A autora sugere que todas as nossas emoções estão relacionadas com tudo o que comemos, pois o alimento não é apenas o suprimento de energia e a saciedade da fome, mas o alimento a relação direta com nossas emoções. Esse livro se baseia em fatos e mostra que a comida não é o único prazer verdadeiro de nossas vidas e a autora faz um paralelo entre os sentimentos e os alimentos. Ela é palestrante que realiza workshops com esse tema, e escreveu esse livro voltado para o público feminino para que as mulheres consigam entender e aprender a lidar com as mudanças que ocorrem nos corpos... De boa, ainda não entendi o motivo de ter comprado esse livro, sabia? Comprei em 2011, o livro tem 143 páginas (pequeno) e parei na página 15.

3- MARLEY E EU - JOHN GROGAN

  Quem não se apaixonou pela história do cachorro de liquidação? Eu assisti o filme em 2009 quando eu morava em Engenheiro Coelho - SP. Fazia menos de uma semana que eu tinha ligado para minha mãe e ela tinha me dito que minha Pitty tinha morrido de câncer de mama. Eu fiquei arrasada, minha cachorrinha morreu e eu nem estava perto! Quando assisti Marley & Eu, quase morri de chorar! Pensava na Pitty o tempo todo! Quando achei o livro em promoção, não pensei duas vezes e comprei, afinal, eu queria muito ler o livro maravilhoso que inspirou o filme maravilhoso, e o contexto provavelmente era maravilhoso, por ser é uma história real, né?... Só que não! Não rendeu, gente! Eu tentei, parei, peguei de novo, parei de novo, tentei uma terceira vez e larguei uma terceira vez. Não adianta, o negócio não foi pra frente. Comprei o livro em 2012, ele possui 362 páginas, li até a página 100.



4 - COMPRAMOS UM ZOOLÓGICO - BENJAMIM MEE

    No ano de 2013 eu passei esse filme para os meus alunos do então sétimo ano, e ao final do filme várias meninas e eu estávamos aos prantos, rs! Então, quis comprar o livro, mas,  na época não tinha no estoque no Submarino. Uns oito meses depois eu consegui comprar por um precinho bem da hora. Comprei o livro, e comecei a ler na mesma hora. E... não vingou, gente! Não foi pra frente. Peguei outras quatro vezes e desisti as quatro vezes. Engraçado que só notei agora, mas, todos os livros são pequenos e eu não consigo passar da metade, que tristeza! Esse mesmo, tem apenas 230 páginas, li até a página 166 e comprei em 2013.


5 - RAZÃO E SENSIBILIDADE - JANE AUSTEN

    Tenho até vergonha de falar isso, mas, no ano passado o Clube de Leitura que participo com algumas amigas de várias partes do Brasil, escolheu esse livro para ler, mas, eu não estava no clima para ler Austen na época, sabe. Aí o negócio não foi pra frente. Esse ano eu tentei ler novamente, peguei mais algumas páginas, mas eu entrei em uma fase onde eu simplesmente não li mais nada. Passei meses sem ler absolutamente nada, então, eu larguei ele para o lado de novo. Eu comprei o livro em dezembro de 2014 e li apenas 99 das 399 páginas que essa edição possui. Essa edição ainda o nome é diferente, foi traduzido como Razão e Sentimento. Acho essa capa muito fofa, por sinal! Faltam apenas 300 páginas, hahahaha. Ainda termino esse livro!


6 - OS TRÊS MOSQUETEIROS - ALEXANDRE DUMAS


    Eu tenho um confissão a fazer: eu peguei esse livro emprestado e nunca devolvi! Para minha eterna vergonha, tenho isso para confessar. Os Três Mosqueteiros é uma história muito inteligente. O jovem D'Artagnan queria ser um mosqueteiro bem na época em que eles foram desativados pelo governo francês. Peguei em 2014 e li apenas 95 das 232 páginas do livro.


7 - DESVENDANDO OS SEGREDOS DA LINGUAGEM CORPORAL - ALLAN & BARBARA PEASE

   Eu sempre gostei muito dessa coisa de linuagem corporal, sabe. Quando eu trabalhava com vendas eu costumava prestar atenção nos sinais que o corpo enviava para seus donos sobre como eu seria recebida ou não. Muitas vezes eu sabia o que a pessoa me diria antes mesmo de ela abrir a boca, e ficava mais fácil de quebrar suas objeções. E eu já tinha lido um livro bem interessante sobre esse tema na época, achei muito legal. Anos depois, minha amiga Aninha me deu esse livro, e eu achei que iria comer as páginas, mas, ao contrário, achei o livro tão chato que sequer passei da metade, aliás, nem cheguei na metade dele, rs. Ganhei em 2012, o livro tem 271 páginas e eu parei na 63.



8 - NUNCA DESISTA DOS SEUS SONHOS - AUGUSTO CURY

 
    Augusto Cury e sua mania insuportável de achar que somos vencedores porque em meio há trocentos trilhões de espermatozoides, você conseguiu se superar e escalar o equivalente ao Everest três vezes e nasceu. Yes! Coisa chata! Mas, na época que eu morava no RS e trabalhava com vendas, eu ganhei esse livro e tentei ler várias vezes, mas, não foi pra frente. Assim como todos os livros dele que eu tentei ler e não foram pra frente. Comprei alguns - não sei por qual motivo - ganhei outros, e não adianta, detesto os livros dele. Eu não gosto de autoajuda, não mesmo, e esse autor, de uma maneira muito estraha me incomoda e me incomoda muito! Aff! Nada contra quem gosta, mas, acho que se fosse pra assistir uma palestra dele eu teria dificuldade, hahahah.




9- HISTÓRIA DO ADVENTISMO - C. MERVYN MAXWELL

    Todas as pessoas que professam uma fé precisam conhecer as suas crenças, certo? Onde começou, o motivo, quais são as doutrinas ensinadas e por qual motivo essas doutrinas são seguidas pela fé que você segue. Sou adventista do sétimo dia, e assim como eu disse, costumo estudar bastante, conhecer a história dos pioneiros do adventismo, conhecer suas vitórias, suas derrotas, suas convicções e como o evangelho se espalhou. Já li diversos livros de história da nossa igreja, até que um dia achei esse. Decidi ler, pois a história completa está nesse livro. Mas, sacomé, né? Muita data, muito nome, muita "embaçação", e eu empaquei! Parei na página 15 de 284 páginas.



10 - A ESCOLHA - NICHOLAS SPARKS

 
 Vergonhinha... Eu tive uma dificuldadezinha pra ler Sparks! o.O
Eu ganhei de aniversário da minha amiga Leka e quase morri de gosto. Coloquei na fila dos não lidos e li muitos outros. Esse ano eu resolvi pegar esse livro para finalmente ler, mas, lembra que eu disse ali em cima que eu passei por um período onde eu não li nada? Pois é, foi nessa época, eu acabei desanimando. Eu já parei com dois outros livros do Sparks, e voltei um tempo depois, e foi até melhor, porque aí engatei de vez na leitura e fui embora, rs. Esse, eu ainda tenho planos para retornar esse ano.


    Espero ouvir vocês: existe um ou mais livros desistidos em sua estante? Quais? Me contem, estou curiosa!
Bom, Sweeties, vou parando por aqui, tenham uma ótima noite, e amanhã tem mais um post para vocês, ok?

Beijos+abraços+bombons e um feliz sábado!

2 comentários:

  1. Oiiii Cecy! Menina também não suporto livros de auto ajuda, nunca li nada do Augusto Cury nem tenho muita vontade de ler. Sei como você deve ter se sentido por causa da sua cachorrinha, eu tinha um gato e ele fugiu de casa :/ faz um tempão, mas confesso a você que quando assisti Marley e Eu também chorei horrores :( nunca li o livro. Eii e esse A escolha lançou o filme num foi? Agora estou naquela bendita dúvida kkk se leio ou assisto.

    *Beijokas -Hellen Barros.

    www.apenasgiz.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oieee Hellen!!! Nada contra quem lê livros de autoajuda, mas, pra mim não vai. E quanto aos pets, eu amo. Tenho um filho de quatro patas aqui, meu gato lindo maravilhoso que eu amo e fico doida quando ele desaparece por algumas horas nas "saidinhas" para namorar, heheh... Quanto ao filme A Escolha eu vi o trailer, mas, só vou assistir depois de ler. Eu raramente leio antes, só quando estou assistindo que descubro que é livro, rs! Mas, entendo sua dúvida, compartilho dela muitas vezes.

      Beijoooo! ^.~

      Excluir

Página Anterior Próxima Página Home
Layout criado por